Telemedicina
-
4/10/2021

Healthtech: Tudo o que você precisa saber sobre o tema!

Se você ainda não sabe o que é uma healthtech, pode estar perdendo grandes oportunidades de potencializar a sua clínica e melhorar ao máximo os seus serviços.

O avanço da tecnologia na medicina está cada vez mais presente no cotidiano dos centros de saúde, por meio de equipamentos, ferramentas e inovações.

No entanto, a crescente demanda desses recursos fez com que surgisse a necessidade de centralizar os serviços em um único lugar, focada em levar mais tecnologia e soluções mais assertivas para os consultórios.

Hoje, essas empresas representam um dos pilares mais importantes para as inovações na medicina e você, como gestor e profissional atuante na área da saúde, precisa conhecer mais sobre o setor.

Pensando nisso, nós preparamos um guia especial sobre healthtech, com tudo que você precisa saber para investir nos seus serviços.


O que é uma empresa Healthtech?

Uma healthtech é uma startup focada em desenvolver soluções para o setor de saúde com base na tecnologia.

O termo deriva do inglês health, que significa saúde, e tech, que significa tecnologia. O nome explica de maneira direta qual é a essência dessas empresas.

Além disso, a startup é um modelo de negócio conhecido por sua jovem atuação. Geralmente, essas companhias são relativamente novas no mercado e trazem consigo ideias inovadoras e até mesmo consideradas arriscadas.

Nesse caso, uma healthtech nada mais é do que uma empresa jovem que trabalha com a tecnologia voltada para o setor de saúde.

Basicamente, essas empresas são responsáveis por apresentar inovações e soluções diferenciadas, que auxiliem os profissionais e toda a rede médica na execução das suas atividades.

Seu modelo escalável e de crescimento acelerado também proporciona uma atuação intensa, o que levou essas empresas a ganharem visibilidade em um período relativamente curto de tempo.

Hoje, existem centenas de healthtechs em todo o mundo, com foco em diferentes setores da saúde, elaborando soluções que auxiliam os profissionais durante sua jornada.


Qual a importância de uma Healthtech nos dias de hoje?


Os avanços da tecnologia na área da saúde estão se desenvolvendo em uma velocidade cada vez maior, podendo se tornar difícil para as clínicas e hospitais o acompanhamento dessas inovações sem a ajuda de uma empresa especializada.

Por isso, um dos objetivos de uma healthtech é facilitar o acesso a essas soluções, simplificando o processo para as organizações de saúde.

Dessa forma, não apenas grandes corporações poderão otimizar seus serviços, mas também todos os tipos de clínicas e hospitais.

Além disso, o cenário atual também torna a healthtech extremamente importante.

Depois de vivenciar a pandemia de coronavírus em 2020, o mundo passou a desenvolver soluções digitais cada vez mais rápidas e completas.

Assim, as empresas de tecnologia na área da saúde são pilares fundamentais para tornar essas inovações possíveis em tempo hábil, porém de forma acessível.

Ainda, vale a pena ressaltar que a healthtech também movimenta o mercado de empresas convencionais, criando competitividade e busca pelo melhor serviço, o que leva mais qualidade aos pacientes.


Principais áreas de atuação de uma Healthtech

Atualmente, o mercado de saúde se divide em três principais áreas de atuação, que também são os setores mais comuns onde as healthtechs investem.

Confira mais detalhes sobre cada um:

Prevenção

Como o nome indica, o setor de Prevenção é responsável por soluções e desenvolvimentos que antecipem ou prevejam ocorrências na saúde.

Com isso, a área possui um enfoque maior em atividades e rotinas de antecedência, como educação e rotinas preventivas.

Nesse caso, uma healthtech de prevenção pode desenvolver sistemas que tornem os estudos médicos mais simples, além de investir em equipamentos de exames preventivos.

Diagnóstico

Enquanto isso, o setor de diagnóstico é o mais popular entre as healthtechs, possuindo um maior número de investimentos e inovações.

Isso ocorre porque o diagnóstico é uma das etapas mais importantes do atendimento ao paciente e é importante contar com soluções tecnológicas que facilitem isso.

Além de equipamentos e máquinas, uma healthtech também pode explorar soluções que auxiliem na análise dos exames, especialmente inteligências artificiais.

Tratamento

Por fim, é na área de tratamento que o paciente precisa receber a maior atenção do profissional.

Assim, uma healthtech com foco nesta etapa pode oferecer soluções que tornem os tratamentos mais acessíveis, assertivos e eficientes.

Para isso, já existem diversos equipamentos tecnológicos, estudos promissores e alternativas que trazem mais qualidade de vida para o paciente.


Sobre as Healthtechs no Brasil atualmente

Embora a healthtech já seja uma categoria popular no exterior, o mercado ainda está em ascensão no Brasil.

Por conta disso, o segmento apresenta expectativas promissoras, atraindo novos nomes e investimentos por conta da disponibilidade de espaço e estudos.

Segundo o relatório de 2020 do Distrito Healthtech, existem aproximadamente 500 healthtechs no Brasil, onde 50% possui menos de cinco anos de atividade.

Isso significa que trata-se de empreendimentos jovens e que não conseguem abranger todas as áreas de saúde no país.

Assim, espera-se que os próximos anos atraiam mais pesquisas e promova o surgimento de novas empresas de tecnologia para saúde.


Exemplos de Healthtechs 

Agora, para conhecer mais sobre a healthtech e sua importância no setor de saúde, conheça alguns exemplos populares de setores onde essas empresas são essenciais:

Inteligência Artificial

Atualmente, grande parte dos sistemas de inteligência artificial utilizados por clínicas e hospitais são desenvolvidos por uma healthtech.

Esse é um dos exemplos mais populares de atuação, pois se destacam no mercado e atraem a atenção do público.

Além disso, o segmento de IA é bastante amplo, permitindo que várias healthtechs possam atuar em conjunto para explorar essas possibilidades.

Reconhecimento de sons

A tecnologia do reconhecimento de sons já é uma realidade graças à healthtech.

Esse sistema permite que equipamentos especializados detectem diferentes tipos de sons, para auxiliar em diagnósticos e tratamentos mais complexos.

Soluções como essa só são possíveis graças ao investimento de startups de saúde.

Exames por imagem


Os exames por imagem fazem parte da rotina de qualquer atendimento médico. No entanto, hoje eles estão consideravelmente mais elaborados, por conta da atuação da healthtech.

Com elas, foi possível desenvolver novas formas de exames, menos invasivos e mais precisos, além de implementar sistemas de compartilhamento, como o PACS.

Assim, a healthtech não apenas traz inovações, como também atualiza procedimentos que já existem.

Triagem

Triagem é um processo decisivo dentro do atendimento, tornando-se uma área fértil para inovação

Hoje existem programas integrados para triagens, capazes de tornar os processos mais eficientes.

Por exemplo, a solução trIA, da NeuralMed, auxilia na triagem de hospitais por meio de inteligência artificial, priorizando os atendimentos por criticidade.

Diagnósticos remotos

Os diagnósticos remotos estão se popularizando no Brasil, principalmente no contexto da pandemia e da necessidade de distanciamento social.

Dessa forma, as healthtechs são responsáveis por facilitar esses procedimentos e realizá-los com mais precisão.

Agora, profissionais podem contar com diferentes sistemas e softwares para avaliar o paciente, oferecendo uma conclusão mais concreta, mesmo à distância.

Telemedicina

Por fim, é inevitável que a healthtech não esteja presente na telemedicina, de forma geral.

Atendimentos e tratamentos remotos são uma realidade por conta de plataformas que possibilitam esses procedimentos.

Além disso, com a ajuda de equipamentos tecnológicos, a telemedicina pode se tornar uma realidade ainda mais presente.


Vale a pena contar com uma Healthtech?

Embora muitas pessoas acreditem que uma healthtech é benéfica apenas para grandes corporações, qualquer centro de saúde pode contar com essas empresas, inclusive a sua clínica.

Desde sistemas integrados, plataformas de gestão, até exames mais modernos e tecnológicos, existem diversas alternativas para atender diferentes organizações.

Assim, mesmo clínicas comuns podem usufruir de inovações tecnológicas na medicina e oferecer serviços de qualidade para seus pacientes.

Por isso, vale a pena conhecer mais opções de healthtech e começar a modernizar o seu consultório com as soluções que essas empresas oferecem.